Chuva

Dizem que quem está na chuva é pra se molhar, mas quero aqui dizer, que só se molha quem quiser. Eu estou aqui para vender meus guarda-chuvas. 
Tenho vários modelos, várias cores. Pode chegar freguês! Tem guarda-chuva pequeno, de cabo grande, de rendinha, de bolinhas azuis, vermelhas, amarelas; guarda-chuva preto, guarda-chuva branco, automático, de cabo de borracha, cabo banhado a ouro… Pode chegar freguês, é guarda-chuvas de todos os modelos… mulher bonita não paga… mas também não leva. 
Guarda-chuva, guarda-chuva, guarda-chuva… pode chegar freguês. Se não for pra dias chuvosos, pode ser usado nos dias ensolarados também. Guarda-chuva, guarda-chuva. 
Tem guarda-chuva pra criança também. Tem guarda-chuva do Batman, do Homem-Aranha, do Harry Potter. E pra menina tem da Madonna, da Anitta, da Mulher-Maravilha. 
Tem sombrinhas também, pra todas as mulheres! É pra todo mundo, é pra todo mundo! E olha freguês, olha o trovão; olha a chuva, a ventania… segurem seus guarda-chuvas, senão vocês vão voar por aí… espere… socorro… socorro… socorrroooo!…
 – Veja mamãe, o homem que vende guarda-chuvas ‘tá voando pelos ares!”…

imagens Pixabay

Imagem

Pego um copo! Coloco duas pedras de gelo… mais duas!!
Agora a garrafa de whisky.
Deixo cair abundantemente e lentamente, uma quantidade
vil do precioso destilado.
O copo fica extasiado. Se sente o mor entre todos os outros vitrais!
E eu fico ali, espreitando o charmoso tentador.
Ele me chama… eu titubeio.
Ficamos num impasse por algum tempo.
Por fim, cansado dessa inquietante batalha, solto meu primeiro dardo.
E sinto minha boca amargamente feliz.
Esse nectar é perigoso. Te entorpece, te resseca, e tira suas últimas lembranças!
Para enfrenta-lo você precisa de aulas de sobrevivência.
Nem todos que caem em seus encantos, saem totalmente rarefeitos.
¨tenha cuidado! Tenha cuidado comigo!!¨
Me diz meu amigo whisky.
E eu sei!! Sou cuidadoso ao extremo com ele!!
Pego Outro copo; coloco duas pedras de gelo…
mais duas…

Imagem